Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mamã Silvestre

Mãe de um lindo rapaz e apaixonada pelas coisas simples da vida.

Mamã Silvestre

Mãe de um lindo rapaz e apaixonada pelas coisas simples da vida.

Quem?... A mim!? Não!!!

 

Eu tenho cá uma sorte para estas coisas... quase sempre que ando de táxi fico com uma história para contar... a minha sorte é que são poucas as vezes que me desloco sem o meu carro... e quando acontece tento sempre deslocar-me de metro ou autocarro... mas por vezes o meu trabalho obriga-me a ir de táxi... e é ai que estas histórias me acontecem.

 

Começo por dizer que não tenho nada contra os táxis (taxistas), é uma excelente opção para viajar, mas pessoalmente, não me sinto muito à vontade em viajar sozinha, dentro de um veículo cujo condutor não conheço! Depois acontecem-me estas coisas: 

 

Numa das minhas deslocações em serviço, partilho um táxi com um colega da minha Empresa, que a meio do caminho tem que sair, e lá continuo eu.

A meio da viagem, já sozinha, reparo que o taxista olha para mim fixamente pelo espelho retrovisor... tento desviar o olhar sem que ele perceba que reparei... mas não consigo e o senhor começa a meter conversa:

 

Taxista: Desculpe, mas eu acho que a conheço?

MS: Não, não me parece...

Taxista: Conheço com toda a certeza... anda muito de táxi?

MS: Não, nem por isso! Deve mesmo estar a confundir-me com outra pessoa!

Taxista: Estranho... pois quanto mais olho para si mais parece que a conheço!

(medo... muito medo penso eu... e ele olhando-me fixamente continua):

Taxista: A senhora é advogada, não é? É que estava a ouvir a sua conversa com o seu colega e pareciam ser advogados!

MS: Não, não sou advogada!

Taxista: Pois parecia pela vossa conversa. Mas continuo aqui a pensar de onde a conheço? Mora aqui perto?

MS: Não.

Taxista: Desculpe a insistência mas tenho que olhar bem para si, ver se me lembro de onde a conheço! Olhe também bem para mim!

(nisto mexe no espelho e continua a olhar fixamente para mim)

MS: Desculpe mas não o conheço!

(ele continua):

Taxista: À pouco tempo criei uma página no facebook, depois do divórcio achei que era uma boa ideia criar a página, assim sei mais coisas sobre a vida do meu filho... ele joga à bola... assim sei sempre dos jogos. Realmente é engraçado... quando criei a página recebi vários pedidos de amizade principalmente de mulheres... se calhar é minha amiga no facebook?

(a sério... isto está-me acontecer?... respondi-lhe que não... não era amiga dele no facebook, e que não o conhecia de lado nenhum, com isto falou mais um pouco do filho e chegamos ao destino)

Taxista: Chegamos e eu sem saber de onde a conheço. Mas olhe deixo-lhe o meu número pessoal... quando precisar de um táxi não precisa de ligar para a central, ligue directamente para mim!

 

Agradeço-lhe, pago e saiu a correr!!! Na esperança de nunca mais o ver!!! Como posso eu gostar de andar de táxi???

 

Bom fim de semana.

MS

 

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Direitos de Autor

Algumas imagens utilizadas no Blog não são da minha autoria e podem não estar devidamente identificadas. Caso alguma esteja protegida por copyright, agradeço que me contactem, para que tome as devidas providências. Obrigada!!! mamasilvestre@sapo.pt

Calendário

Novembro 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.