Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mamã Silvestre

Mãe de um lindo rapaz e apaixonada pelas coisas simples da vida.

Mamã Silvestre

Mãe de um lindo rapaz e apaixonada pelas coisas simples da vida.

Brownies em 30 segundos... testado e aprovado!!!

Ontem à noite, enquanto o R. dormia, o S. trabalhava e eu tentava colocar em dia a visualização de algumas séries que tenho gravadas, dou por mim a pensar e a salivar por um brownie de chocolate, admito é um dos meus pontos fracos.

 

Ainda tentei combater esse desejo, mas uma voz interior gritava por um brownie e eu não a conseguia calar, tinha que lhe fazer a vontade e só tinha duas opções: fazer a receita habitual que tanto adoro e que tem ficado sempre bem, mas que demora cerca de 30 minutos à preparar e alguma loiça para lavar, ou experimentar uma receita que encontrei aqui, que esperava por uma oportunidade de ser testada e que promete um brownie em 30 segundos.

 

Como não queria perder tempo e a cozinha estava um brilho, decidi experimentar o dito brownie, sempre com um pensamento que não iria ficar bom, pois as minhas experiências com bolos de micro-ondas nunca ficam como espero, mas a voz continuava e tinha que fazer qualquer coisa para a calar... então experimentei e não é que foi uma agradável surpresa... o brownie ficou bom, só não digo que ficou muito bom pois a outra receita é mesmo muito muito boa!

 

É super fácil e para quem quiser experimentar fiz assim:

 

Misturei numa pequena taça (também serve numa caneca ou num ramekin) uma colher de sopa de cada um dos seguintes ingredientes: chocolate em pó, açúcar mascavado, farinha com fermento, água e óleo e uma pitada de sal fino. Foi ao micro-ondas por 30 segundos na temperatura máxima e quando retirei polvilhei com açúcar em pó.

 

Brownie acabado de fazer e acompanhado com um chá de Jasmim... hummm... delicioso!!!

images.jpg

Bom dia,

MS  

 

O dia mais delicioso!

Só podia ser hoje, pois assinala-se o dia Mundial do Bolo de Chocolate!!! Como boa gulosa que sou aqui deixo a minha receita de bolo de chocolate preferida.

 

Faço assim:

Derreto em banho maria, uma tablete de chocolate de culinária com 200 gramas margarina (à temperatura ambiente), depois de derretido junto 5 gemas de ovo,  200 gramas de açúcar em pó, 70 gramas de farinha meia colher de café de fermento em pó. Depois de bem batido incorporo as claras em castelo (de 5 ovos).

Levo a cozer a 180º durante cerca de 20 minutos (bolo não deve ficar muito cozido).

Depois de cozido, desenformo o bolo para o prato, onde vou servir, e pico-o com um palito (para que a calda entre dentro do bolo).

Finalizo cobrindo o bolo com uma calda, que faço derretendo em banho maria uma tablete de chocolate e um pacote de natas.

 

E já está... Prontinho a comer...

 

Têm uma receita maravilhosa de bolo de chocolate, partilhem comigo!!!

 

 

Bom fim de semana!!!

MS

#7 Calendário do Advento

7 (1).jpg

 Bolachas de Natal

 

A minha sugestão de hoje é deliciosa e agrada a miúdos e graúdos! Tudo a correr para a cozinha e mãos à obra... hoje é dia de fazermos bolachas!

 

O R. gosta muito de bolachas... outras guloseimas nem por isso mas bolachas... é uma perdição e também adora ir para a cozinha meter as mãos na massa.

 

E não é que as bolachas ficam melhores quando o rapaz ajuda? Verdade seja dita, tudo o que é feito com amor fica bem melhor!

 

Deixo-vos uma sugestão de bolachas amanteigadas que são uma delicia e que podem fazer com a ajuda das vossas crianças!

 

Eu faço assim:

- Numa tigela, amasso a 125 gramas de manteiga com 125 gramas de açúcar, depois adiciono 2 gemas de ovo e continuo a amassar até estar tudo bem envolvido;

- Adiciono 325 gramas de farinha e continuo a amassar;

- Coloco o preparado numa superfície plana e amasso até que a massa fique bem homogénea;

- Depois de a massa estar bem ligada, estendo-a com as mãos até ela ter uma espessura de 4 ou 5 mm (não uso o rolo porque como não é uma massa muito flexível seria difícil);

- Corto as bolachas com cortador de bolachas e coloco-as num tabuleiro forrado com papel vegetal;

- Levo ao forno (já pré-aquecido) durante 10 minutos e a 180 graus.  

 

Dica: Não deixo mais que 10 minutos, mesmo que as bolachas ainda estejam um pouco moles ao retirar do forno, pois elas endurecem e ficam óptimas.

 

MS

 

 

Elas não matam... mas moem!!!

Esta semana não começou da melhor maneira lá por casa! Fruto da época a constipação apanhou-nos a todos.

 

É verdade que elas não matam... mas moem!!! A cabeça pesada, o cansaço e as dores no corpo...

 

Para quem anda como nós aqui deixo a receita de chá que a minha mãe me ensinou a fazer e que ajuda na recuperação.

 

Numa caneca deitar sumo e raspa de limão, rodelas de gengibre fresco, mel, canela em pó e água a ferver.

 

Realmente faz efeito e ajuda a recuperar mais depresa.

 

ga800117.jpg

 

MS

 

Torta de Laranja

Já em contagem decrescente para o Natal, ontem estive a ver umas receitas para ir pensando no menu da consoada.

 

Hummm... tanta coisa boa... como vou conseguir escolher?! No meio de cadernos e caderninhos, de livros e livrinhos encontrei a receita de torta de laranja que costumamos fazer... tão simples e tão boa que não vou conseguir esperar até ao Natal... eu faço assim:

 

Misturo à mão 6 ovos, com 250 gramas de açúcar, junto a raspa de uma laranja e um copo de sumo, deito a massa num tabuleiro, previamente untado com margarina e polvilhado com açúcar.

Levo ao forno, com temperatura média, onde coze durante +/- 20 minutos.

Desenformo o bolo sobre um pano polvilhado com açúcar, aparo as pontas e enrolo com a ajuda do pano.

Decoro com rodelas de laranja caramelizadas e sirvo… quento ou fria.

 

Fácil e bom!

 

MS

Trio de Patés

Cá continuo com os preparativos da festa de aniversário do R., é já amanhã que faz 3 anitos, mas a grande festa é no sábado.

 

Para mim, escolher a ementa é o mais difícil, as possibilidades são tantas que é sempre difícil escolher o que servir.

 

Gosto sempre de apostar nas entradas… principalmente por duas razões: a primeira é que os meus convidados interessam-se sempre mais pelas entradas, do que pelos restantes pratos, e a segunda porque adoro ter a mesa cheia de deliciosos petiscos para os receber.

 

Uma das entradas que raramente falta é o paté… servido com pequenas tostinhas, é algo simples e que todos adoram.

 

Costumo fazer estas 3 variedades:

 

Paté de Azeitona:

Pico uma lata de azeitonas pretas sem caroço, juntamente com dois dentes de alho descascados, duas colheres de azeite e uma colher de Orégãos.

 

Paté de Delícias do Mar e Atum:

Pico uma lata de atum juntamente com meia embalagem de delícias do mar, acrescento e envolvo bem um pouco de maionese, alho em pó e pimenta.

 

Paté de Sardinha:

Pico uma lata de sardinhas em óleo, juntamente com uma cebola pequena, um pouco de azeite e de margarina, tempero com sal, pimenta e um pouco de whisky.

 

Estes patés podem ser feitos com antecedência e na altura servir com tostas ou torradas.

 

MS

Bacalhau com coentros

Uma receita de bacalhau, diferente, com um sabor forte, mas muito aromático.

 

Faço assim:

Cozo o bacalhau, limpo-o de espinhas e peles, desfio-o e reservo. Reservo também a água da cozedura do bacalhau.

Frito batatas cortadas aos palitos muito finos (tipo batata palha) e reservo.

Refogo cebola, cortada às meias luas, e dentes de alho. Acrescento o bacalhau, envolvo bem com a cebolada. Junto um pouco de farinha, à qual vou acrescentado aos poucos, a água da cozedura do bacalhau (até ficar bem cremoso).

Adiciono a batata palha e um molhe de coentros, envolvo bem e acrescento um pouco de natas.

Coloco a mistura num tabuleiro, rego com a restante nata e cubro com pão ralado.

Levo ao forno durante uns 20 minutos e fica assim:

 

IMG_20161105_190059.jpg

 

Bom apetite!!!

MS 

 

Cogumelos

Ora aqui está um ingrediente versátil que todos adoramos cá em casa, e uma receita excelente para servir de entrada num jantar com amigos, ou para uma refeição mais leve... esta receita de cogumelos recheados é super rápida e super saborosa. Tal como eu gosto.

 

naom_56f3ebb52c653.jpg

 

 

Faço assim:

Começo por lavar bem os cogumelos, retiro-lhes os pés e coloco-os num tabuleiro para ir ao forno.

O recheio é feito com uma cebola e 4 dentes de alho, picados de forma muito fina, refogados em 1 decilitro de azeite e ao qual se junta cerca de 400 gramas de carne de porco e 50 gramas de bacon bem picados.

Tempero com sal, pimenta, noz-moscada e salsa também cortada de modo muito fino.

Recheio os cogumelos, deito um fio de azeite por cima dos cogumelos e levo ao forno na temperatura média e por cerca de 20 minutos.

 

Enjoy,

MS 

Para hoje um caldo verde diferente

Com este tempo sabe bem abrir a refeição com um belo prato de sopa, na realidade seja qual for a estação do ano tenho sempre sopa feita em casa.

 

Sopa ?!  O que para muitos é um castigo para mim é um simples prazer. Aliás foi um hábito que adquiri com a minha mãe, pois na casa dos meus pais sempre houve sopa à refeição.

 

Uma das minhas sopas preferidas é o caldo verde... faço-o muitas vezes... mas nestas alturas que o tempo está mais fresquinho gosto de acrescentar ao puré alguns ingrediente que não são habituais no caldo verde tradicional.

 

Faço assim o meu caldo verde diferente... lá em casa todos adoram:

 

Coloco no lume uma panela com água (aproximadamente 2 litros) e sal (qb). Quando começa a ferver, acrescento, duas cenouras200 gr de abóborauma batata e duas cebolas, tudo descascado e cortado aos pedaços, junto também cerca de 300 gr de feijão catarino (previamente cozido).
Deixo cozer e reduzo a puré, levo novamente ao lume e adiciono as folhas de couve galega cortadas para caldo verde. Junto 2 dl de azeite e deixo levantar fervura por 5 minutos. E está pronto a servir!

Simples, diferente e muito bom!

 

MS

Guloso... mas nem tanto!

O R. está numa idade muito gira... fala que ninguém o cala... mas há coisas que nem sempre descodifico à primeira!

 

Foi o que aconteceu desta vez com algo que comeu na escola. Quando o vou buscar começo a perguntar-lhe sobre como foi o dia dele... o que fez, o que comeu, se esteve bem... desta vez o rapaz vinha muito desgostoso, porque não gostou do bolo de chocolate que comeu na escola!!! O quê? Bolo de chocolate?

 

E eu sem perceber nada... até porque a escola proibiu os bolos de aniversário... afinal qual bolo?

 

Acabei por descobrir que tinham comido como sobremesa salame de chocolate... sim, na escola do R. os meninos, duas vezes por semana, podem comer sobremesa doce... ainda não me conseguiram explicar os benefícios desta medida... pois foram radicais ao ponto de proibir todos os bolos de aniversário... até o pão de ló ou o simples bolo de cenoura... mas sobremesa doce já é permitido, vá-se lá entender.

 

Resumindo e para que fique registado, apesar de ser um grande guloso, o R. não gosta de salame de chocolate! :)

 

Para os que gostam ... aqui está uma receita de salame de chocolate que costumo fazer para as festas:

 

Numa taça misturo bem 100 gramas de chocolate em pó (ou cacau em pó), com 3 colheres de açúcar, 2 colheres de margarina liquida e 2 ovos. Quando a mistura está bem envolvida, acrescento 46 bolachas Maria partidas em pequenos pedaços e amasso bem.

Deito o preparado numa folha de papel vegetal, que polvilhei com açúcar, faço um pequeno rolo em forma de salame e enrolo a folha de papel até ficar bem ajustado e fechado.

Levo ao frigorífico até estar rijo, antes de servir retiro-o do papel vegetal e embrulho em papel de alumínio. 

Nota: Normalmente, faço o salame na véspera de o servir.

 

Até breve,

MS

Mais sobre mim

imagem de perfil

Direitos de Autor

Algumas imagens utilizadas no Blog não são da minha autoria e podem não estar devidamente identificadas. Caso alguma esteja protegida por copyright, agradeço que me contactem, para que tome as devidas providências. Obrigada!!! mamasilvestre@sapo.pt

Calendário

Julho 2017

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.